Login

Esqueci minha senha

Últimos assuntos
» Duvidas sobre cavalos registrados e cor de pelagem
Ter Jul 22, 2014 11:51 pm por Jéssica Maciel

» Comprar um poldro
Qui Out 24, 2013 3:31 am por geferson santos silva

» Aguamento tem cura total?
Dom Out 06, 2013 6:12 am por luizfernandosilvy

» Licenciatura em Equinicultura - Escola Superior Agrária de Elvas/IPP
Dom Ago 04, 2013 11:31 pm por GIC

» Agrária de Elvas inaugura Centro de Enfermagem Veterinária
Sex Jul 12, 2013 4:56 pm por GIC

» Caimbras no cavalo
Ter Out 30, 2012 2:32 am por Luiz Michel dos Santos

» Dificuldade
Qua Jul 25, 2012 2:50 pm por Zagalote

» Lic. em Equinicultura na Escola Superior Agrária de Elvas
Ter Jun 12, 2012 2:27 pm por GIC

» A Língua Silenciosa dos Centauros
Qui Jan 26, 2012 8:03 pm por magali

» Aluguel de Baias/Cocheira
Seg Out 24, 2011 4:32 pm por samy

» Puro Sangue Lusitano
Qua Set 07, 2011 7:23 pm por claudia almeida

» Os EUA ameaçam acabar com cavalos selvagens!!!
Sab Jul 02, 2011 5:01 pm por italo resende

» LICENCIATURA EM EQUINICULTURA - ANO LECTIVO 2011/12
Ter Jun 28, 2011 1:38 pm por GIC

» Partilhar penso de Cavalo
Qui Jun 09, 2011 12:12 am por Vitor Rita Diniz

» Vendo ração hormonizada 80%
Dom Abr 10, 2011 3:02 pm por comercialjocafa

Sabor & Tradição


Todo a tradição do sabor no seu novo Pronto-a-Comer

Visite-nos e disfrute de um espaço
onde encontra a côr,
o aroma
e o sabor
que sempre desejou!

Agora no Pinhal Novo

www.saboretradicao.com
saboretradicao@gmail.com

 
Quinta do Monte Novo


Quinta Do Monte Novo

A Quinta do Monte Novo é uma empresa do sector industrial e comercial


Conheça a nossa gama de produtos:
Arte Equestre



  • Selas e Selins
  • Artigos para Equitação
  • Artesanato
  • Peles
  • Louças Regionais
  • Cobres e Estanhos
  • Capotes Alentejanos
  • Artigos de Caça

Rua Diogo Cão, n.º 17,
7000 Évora
Telefone: 266 704 609
Fax: 266 704 609


Dermatologia em Equinos - 1ª Abordagem

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Dermatologia em Equinos - 1ª Abordagem

Mensagem  Taniae em Ter Set 16, 2008 6:52 pm

Dermatologia em Equinos
- 1ª Abordagem


Manifestações clínicas de dermatopatias são muito comuns em equinos. O histórico do animal fornece indicações para o estabelecimento da causa do problema dermatológico e posteriormente o seu tratamento. Há várias questões que devem ser tidas em conta, tais como:

- Raça do paciente, algumas raças são predispostas a dermatopatias, árabes são predispostos a hamartomas vasculares e síndrome de despigmentação; Appaloosa observa-se distrofia de crina e cauda; Puro sangue inglês, Quarto de milha e Árabes desenvolvem dermatites atópicas e cavalos bergas são pré-dispostos a epidermólise bolhosa.



Fig. 1: Appaloosa Fig. 2: Árabe




Fig. 3: Puro Sangue Inglês


- Idade do paciente, poldros estão associados a problemas dermatológicos hereditários ou congénitos; cavalos adultos jovens é mais comum a dermatite atópica, infecções bacterianas e sarna psoróptica; cavalos de meia idade, é mais frequente doenças imunomediadas como pênfigo foliáceo; cavalos idosos são afectados por amiloidose, sindrome de cushing e neoplasias.




]Fig. 4: Poldro Fig. 5: Cavalo Adulto


- Tempo e progressão dermatopatia, prurido intenso é habitualmente associado a ectoparasitas (escabiose- sarna é uma doença parasitária, causada pelo ácaro Sarcoptes scabiei; sarna psoróptica ; trombiculíase, e hipersensibilidade aos culicoides- mosquito); se o prurido precedeu à lesão, dermatite atópica, hipersensibilidade alimentar ou ectoparasitas; alopecia não pruginosa durante vários anos sem manifestações sistémicas leva-nos a alopecia areata, displasia folicular ou alopecia hereditária;



- Prurido, os cavalos mordem como sinais de prurido ou sapateam; prurido sem lesão pode indicar dermatopatias alergicas ou ectoparasitas; prurido com lesão leva-nos a inúmeras causas.




Fig. 6: Equino prurido e mordedura


Fig. 7: Piolho em equino


- Sazonal, climas temperados a hipersensibilidade à picada de insecto é mais comum na Primavera, Verão e Outono; Dermatite atópica pode ser sazonal em vários climas. Em climas temperados pode ser mais evidente na Primavera e no Verão quando é causada pelo pólen de árvores ou gramínea, ou piorar no Verão e Outono devido a flores silvestres. Cavalos com dermatite atópica ou hipersensibilidade à picada de insecto consoante vão envelhecendo vão sendo evidentes formas mais graves da patologia.



- Doença sistémica, espirros e tosse são observados com a dermatite atópica devido a inalantes; edema pulmonar pode ocorrer em cavalos com púrpura hemorrágica: febre e depressão ocorre em doenças virais, vasculites, doenças granulomatosas, linfossarcoma ou doenças tipo Lupus eritmatoso sistémico.


- Dieta, pode ser necessário elaborar-se uma dieta hipoalergénica; deve ter em atenção sobre vitaminas e outros suplementos








Fig. 8: Cevada Fig. 9: Milho


- Outros cavalos, é importante compreender se existe contacto com outros cavalos, ou uso de equipamentos, pois outros cavalos podem apresentar as mesmas lesões, doenças contagiosas são as mais provaveís tais como dermatofitose e ectoparasitas.




Fig. 10: Escovas





Fig. 11: Selas

- Anteriores tratamentos, o cavalo foi tratado anteriormente, e com que medicamentos, resposta inicial à terapia com glicocorticóides não é necessário porque algumas doenças melhoram por um curto período com tratamento sintomático não-específico; respostas repetidas à terapia com baixa dose de glicocorticóides indicam hipersensibilidade; antibiotico e glicocorticóides em combinação ajudam pouco.



- Último medicamento, administrações recentes de medicamentos podem afectar a apresentação clínica da doença, terapia prolongada com glicocorticóides pode afectar testes intra-dérmicos relativo ás imunoglobulinas E, e alergeno-específicas. Pode ainda alterar o resultado de exames histopatológicos e doença clínica; anti-histamínicos influenciam o resultado dos testes intradérmicos; cuidados também para suplementos vitamínicos ou vermífugos (combate vermes intestinais).



- Mudança ambiente, melhora com a troca de ambiente indica-nos alergénos ambientais, irritantes ou hipersensibilidade à picada de insecto; se o animal não melhorar não podemos eliminar a hipotese de alergias de contacto ou inalantes.









Fig. 12: Ambiente exterior mais susceptível a alergias.



- Vermifugação,uso regular de ivermectina diminui a probabilidade de ocorrência de doenças como oncocercose (doença parasitária causada por uma filária) e oxiuríase (infecção no intestino causada por um parasita); controle regular de insectos.





Tânia Estrompa


Bibliografia: Dermatologia para Veterinários de Equinos

Taniae

Mensagens : 15
Data de inscrição : 12/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum